11º Último dia...


É sempre triste o último dia de férias... acordei tarde e fui encontrar minha amiga no centro do Rio para almoçar. Fomos na Confeitaria Colombo, tradicionalissima, linda, me senti nos anos 20. Os doces e salgados são muito bons.
De lá peguei o ônibus e fui para a Lagoa Rodrigo de Freitas, fiz uma caminhada, tomei água de coco, fiquei observando os pedalinhos... tão romântico.
Depois fui a pé até Ipanema, mas especificamente até o Posto 9, estendi minha canga, dei uma volta no calçadão e vi o fim da tarde.
Fim do dia e de mais uma viagem que valeu muito a pena!


10º Dia - Rio de Janeiro


Segundona, minha amiga foi trabalhar, todo mundo trabalhando, peguei o ônibus e fui conhecer o Jardim Botânico. Tinha muita vontade de passear naquele lugar que já tinha visto tantas vezes nas novelas. É facil andar de ônibus no Rio, cheguei rápido, paga-se R$ 4,00 para entrar.
O Jardim Botânico é um lugar de muita paz, com clima fresco, muitos turistas, um lugar calmo para refletir, ler um bom livro e caminhar.
Passei boa parte do dia lá, voltei para casa, peguei o fim de tarde na Praia do Flamengo em frente ao apartamento da minha amiga, porém não recomendo muito.

9º Dia - Rio de Janeiro


Domingo não tivemos força pra acordar cedo e ir a praia. Minha amiga havia ganho convites para o camarote da Globo no Maracanã para ver Flamengo e Botafogo. Apesar de não torcer pra nenhum dos dois times (sou Palmeirense) tinha muito curiosidade de conhecer o estádio e essa era uma ótima oportunidade.
Apesar da fama de ser perigoso foi super tranquilo, tanto a entrada quanto a saída. O Maracanã é lindo! O camarote também é legal, mas o ruim é que não dá pra sair na arquibancada, como aqui no Morumbi. As bebidas também estão proibidas no estádio, por isso foi o jogo todo comendo e tomando refrigente rs... mas valeu muito a pena.

8º Dia - Rio de Janeiro



Era sábado, acordamos e pegamos um ônibus para Praia de Copacabana. Tomamos sol e mais tarde fomos visitar o Forte de Copacabana, que além de uma vista maravilhos, também é um museu, tem exposições, uma filial da Confeitaria Colombo e outras atrações. Vale a pena conhecer um pouco do nosso passado. A entrada custa R$ 4,00.

Continuamos caminhando até o arpoador e subimos na pedra para ver o por-do-sol. Muito lindo, com muito estrangeiros fotografando.

Depois fizemos um almoço/janta no Restaurante Eclipse e voltamos para a casa para descansar, afinal a noite tinha balada.

A noite fomos para a Lapa, tradicional bairro boemio do Rio. Entramos no Rio Cenarium, uma casa noturna com muitos ambientes e sons diferentes. Estava ótimo, teve samba de raiz, forró, dance...

6º e 7º Dias - Jeri / Rio de Janeiro


Dormi super pouco com medo de perder a hora. Tomei café, conversei com o pessoal da pousada, fui até o centro me despedir, já com dor no coração de ir embora.
Dormi todo o trajeto...
A viagem Jeri / Rio foi muito cansativa como previsto. Jardineira / ônibus / aeroporto Fortaleza / aeroporto Galeão / ônibus e enfim Praia do Flamengo, onde minha amiga mora.
Uma dica bacana é pegar vôo para o Aerporto do Galeão, ao invés de pegar para o Santos Dummond, pois as passagens para o Galeão são sempre mais baratas e existe um ônibus da empresa Real que vai de um aeroporto a outro e ainda percorre as principais ruas do Rio por apenas R$ 6,50.
Cheguei no Rio por volta das 8 da manhã, foi fácil ir do Galeão a Praia do Flamengo, aliás o ônibus para na porta do apartamento da minha amiga.
Encontrei minha amiga já saindo para trabalhar, conversamos e eu fui dormi, estava morta.
A tarde deu uma volta no comércio local, almocei e entrei na internet para resolver os assuntos práticos.
A noite estava chovendo, mas mesmo asssim não desistimos e saímos. Fomos a 00, uma danceteria bacana na Gávea - ao lado do planetário. É uma "boate" chique, frequentada por gente bonita e muitos artistas, neste dia por exemplo o Marcos Pasquim estava por lá. A música é boa também.
Só não foi melhor por causa do tempo, não chegou a lotar, mas valeu a pena.