Páscoa no Rio de Janeiro

Já fui ao Rio de Janeiro por diversas vezes, pois uma amiga morou lá por alguns anos.
Nesta Páscoa fui com um casal de amigos que nunca tinham estado no Rio, portanto fizemos os passeios mais tradicionais e turísticos.

IDA E VOLTA DE CARRO
Resolvemos ir de carro devido ao alto valor das passagens aéreas no feriado.
As estradas que pegamos estavam em ótimas condições - Trabalhadores e Dutra - a chegada ao Rio foi tranquila, com o GPS conseguimos quase chegar ao nosso destino. Digo quase porque nossa pousada era em Santa Teresa e quando chegou lá o GPS se atrapalhou todo e para chegar tivemos que perguntar muito aos moradores, fora que fomos parar numas ladeiras mega ingrimes e sem retorno, de mão única, sufoco. Demoramos 10 horas devido ao trânsito, chegamos pela Av. Brasil.
Na volta viemos pela linha vermelha e com o GPS também foi tranquilo, mais 10 horas para volta.

A POUSADA
Ficamos hospedados em Santa Teresa, tradicional bairro do Rio, onde vivem artistas, com muitos restaurantes e bares.
A pousada escolhida pela internet foi a Sant'Martre. A pousada fica na Rua Aprazível, bem no alto de Santa Teresa, portanto com uma vista linda do Rio.
Nos hospedamos na Suíte Master, um duplex, com cama de casal em cima, e duas de solteiro embaixo, ar condicionado e televisão nos dois ambientes, sacada. Uma suíte nova, espaçosa, com vários armários e cabides. O único ponto negativo é que essa suíte fica em cima do espaço do café da manhã, então logo cedo já tem barulho e gente conversando embaixo da sua janela.
Mas no geral a pousada é ótima, nova, espaçosa, o atendimento é gentil, tem uma pequena piscina e uma área de descanso. Recomendo!
PASSEIOS
Santa Teresa
Ficar em Santa Teresa já é um passeio, próximo ao Largo dos Guimarães inúmero bares e restaurantes para escolher.
Almoçamos um dia no Restaurante Sobrenatural, especializado em frutos do Mar. Comemos camarão empanado com arroz de brócolis, prato aprovado por todos.
No outro dia jantamos no Bar do Mineiro, uma feijoada deliciosa, bem light - se é que feijoada pode ser light rs.

Praia e Pedra do Arpoador
Sábado de sol, descemos em Copacabana, mas estava lotado! Tentamos entrar no Forte de Copacabana, mas também estava impossível, então caminhamos mais um pouquinho e chegamos ao Arpoador, onde ainda tinha um pedacinho de areia para agente tomar um sol. O mar estava transparente, porém a água estava congelante.
De cima da Pedra do Arpoador a vista é linda, ótima para ver o por-do-sol.

Cristo Redentor
Ir ao Rio pela primeira vez e não ir ver o Cristo e como ir a Roma e não ver o Papa rs
Optamos por ir de bondinho, melhor dizendo Trem do Corcovado
Comprei com antecedência pelo site, com dia e hora marcado - R$ 55,00 pp. Aconselho a quem for visitar o Cristo faça isso, não pega fila e é super organizado. A subida do trem já da uma ideia da beleza vista de lá de cima.
Além do monumento do Cristo Redentor, que é umas das sete maravilhas do mundo, a vista 360º é espetacular. Muito bem estruturado, tem elevador, escadas rolantes e restaurantes, uma boa infraestrutura.


Jardim Botânico
Um lugar delicioso para andar sem pressa. Com lindas alamedas, com plantas nativas e exóticas é um passeio para ser feito com calma, apreciando a natureza. Entrada R$ 6,00.
Com jardim japonês, orquidário, bromeliario, atrações naturais é o que não faltam, além dos animais silvestres que vivem no parque, como esquilos, micos e macacos prego. Reserve metade do seu dia para isso e para finalizar com chave de ouro, tome um café no La Bicyclette, você vai se sentir em Paris.

Parque Lage
Um parque público que também abriga a Escola de Artes Visuais, com um prédio principal, com uma piscina no meio, que tem também um café.
Além do prédio da escola de arte, tem exposições, gruta, aquário, entre outras atrações. A entrada é franca.

Lapa
A Lapa é famosa por seus arcos - Arcos da Lapa, mas também por ser o bairro mais boêmio do Rio, com muitos bares, restaurantes e baladas. 
Fomos no final da tarde, assistimos um jogo de futebol no Boteco Belmonte, com chopp brahma gelado e petiscos tradicionais do Rio.
De lá atravessamos a rua e fomos ao Bar da Boa, que tinha um samba ao vivo de primeira qualidade. O ambiente é muito bom e a Original gelada.

Rio, sempre Rio, adoro!