Florença

Fomos de Roma a Florença de trem, num bate e volta de um dia. Desçam na estação mais próxima do centro, que é Santa Maria Novella. (adorei o nome)

Não tive muita sorte, pois o dia estava chuvoso, o que dificultou caminhar livremente pelas ruas de Firenze, porém conseguimos ver as principais atrações.
Começamos pelo mais famoso e mais visitado lugar de Florença - a Galleria dell'Accademia, onde se encontra a estátua original de Davi.
A estátua é enorme, não dá para ter noção do seu tamanho pelas fotos que tinha visto. O museu em si é pequeno, e ela é sua principal atração, mas tem outras esculturas também belas.
Paramos para almoçar, o típico prato do local, a bisteca fiorentina. O restaurante escolhido foi a Trattoria Gabriello, mas é fácil encontrar em vários restaurantes, sempre acompanhado pelo bom vinho da casa.
De lá fomos ao Duomo, a Catedral de Florença. Enorme e majestosa.
É tão linda por fora, como por dentro.
Vários detalhes impressionam.
De lá caminhamos para a Ponte Vecchio, que de longe é muito bonita e em cima dela há muitas joalherias e lojas de relógios famosas.
Atravessando a ponte e caminhando mais um pouquinho, chega-se ao Palazzo Castellani, onde sempre há exposições temporárias.
Diz a lenda que quem esfregar a mão no Porcellino volta a Florença - um porco de bronze localizado no Loggia Del Mercato Nuevo. Para garantir, dei uma passadinha por lá.
Neste local, um mercado com barracas de bolsas de couro, com preços razoáveis.

Saiba mais: www.aboutflorence.com

Postar um comentário